O cantor e compositor Ferrugem está na carreira há tempos, mas em 2014 que ganhou maior notoriedade com o lançamento da música 'Climatizar' (Diógines Tiee). Mesmo com o sucesso, muitos diziam que ele seria artista de uma música, que eram 15 minutos de fama, etc, etc, etc.

Com o tempo, Ferrugem foi comprovando o que todos já imaginavam, que era uma realidade. 'Meu Bem', 'Ensaboado', 'Paciência', 'Minha Namorada', 'Eu Juro', 'Pirata e Tesouro', 'Pra Você Acreditar', 'É Natural', 'Chopp Garotinho', e ainda faltou música, né? É ou não é um fenômeno?

O RRD Samba fica muito feliz em ter contribuído um pouquinho na carreira desta grande artista, como o próprio citou na Rádio FM O Dia e no Dedé Galvão. Assista aqui:


Na noite deste sábado, 6 de abril, Ferrugem gravou seu segundo DVD denominado 'Chão de Estrelas' na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, com participações de Ivete Sangalo, Léo Santana, Belo, Reinaldo, Lucas Lucco, Reinaldo e Zé Neto e Cristiano. Uma estrutura pra ninguém colocar defeito e repertório impecável com produção musical de Lincoln de Lima.

Ferrugem superou diversas dificuldades, como a de não ser aceito em algumas rodas de samba por ser branco (é isso mesmo, você não leu errado) e por ser gordinho, além das dificuldades no início da carreira de todo artista.

Como diz o Tiee, compositor de 'Climatizar', "eles não sabem de nada, nunca souberam". Ferrugem é um fenômeno, ponto final.

Compartilhe:

Escreva um comentário...

0 comentário(s)